Publicado por: Cris | 05/12/2009

Leituras de novembro…

Eis o motivo de meu sumiço: aproveitei que o ano letivo do projeto em que trabalho acabou e usei o tempo livre que tinha pra ler, rever velhos amigos e pessoas queridas que eu já não visitava há algum tempo e visitar alguns lugares…

Quanto às leituras, estava aqui com uns livros que tinha comprado depois de ver uns filmes pra conferir se melhores ou piores…

– Divã (Martha Medeiros)

quando vi o filme não gostei muito não, senti o mesmo desconforto que sentia quando assistia Dawson´s Creek na adolescência. Uma sensação de que a personagem principal estava dizendo coisas para as outras personagens de uma maneira que a gente só diz pra nós mesmos. Aí as conversas soavam esquisitas.

Peguei o livro emprestado com uma amiga, li e não senti nada parecido com relação a ele. O livro traz as confissões de Mercedes num consultório. E é uma delícia de ler. Só então entendi que eles pegaram frases que ela diz ali e só ali e  foram colocando-as em diálogos no filme. Fora que as modificações do filme em relação ao livro desmereceram a personagem, pelo menos pra mim.

Pérolas de Mercedes:

” Saudade a gente tem é dos pedaços que nós que ficam no caminho”

“Não é à toa que o verbo comer designa, entre outros quitutes, a relação sexual: tudo começa pela boca e só termina quando acaba a fome.”

“As pessoas não gostam de solidão porque não têm com o que se defrontar, perdem a referência do que não são, ficam apenas com aquilo que são e não desvendam. Agora entendo que eu reverenciava a solidão porque acreditava que me conhecia o suficiente. Sozinha a gente apenas se preserva. A nossa existência pra valer, só se confirma através dos outros.”

“A loucura mora tão perto que sinto o cheiro do seu feijão.”

– Saga Crepúsculo (Stephenie Meyer)

Já tinha os 3 primeiros livros da série há um tempão, mas acabei assistindo Crepúsculo antes de começar a ler. Filminho beeemmm mais ou menos, fui ler pra conferir se os livros também eram….

Pois bem, acabei mordida pelo best-seller. É muito bem escrito, não esgota o leitor, e o interesse pelo destino das personagens faz com que a gente devore os livros rapidinho.  Li cada um em 2 tarde e comprei Amanhecer na semana passada, só que falta um pouquinho ainda. O tempo está mais difícil agora…

Assisti Lua Nova no fim de semana de estréia e apesar de ter que concordar que os efeitos melhoraram, que é mais fiel ao livro do que o Crepúsculo ainda não me convenceu. Pra mim, a Bella nos livros é mais densa do que nos filmes. Eu sinto falta dos pequenos detalhes que são deixados de lado pela edição e de não sei mais bem o que. Mas a falta existe rsrsrs

– Delírios de Consumo de Becky Bloom ( Sophie Kinsella)

Já tinha gostado do filme. Li pra ver o que mudou de um pro outro. Os dois são deliciosos, mas só pra quem se identifique com a personagem ou tenha que conviver com alguém que tenha um pouco dela (por isso o Lu gostou do filme rsrs). Mas que a Becky do livro é muuiito mais bem vestida que a do filme, isso é.

Agora tenho que ler os Delírios de consumo na 5ª Avenida, já que dizem que o filme é uma mistura dos dois…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: